As 10 maiores empresas do agro no Brasil, segundo a Forbes

2 min read

Aooo Brasilzão! A Revista Forbes, na sua edição 113, traz as 100 maiores empresas do agronegócio, Nós mostramos as 10 primeiras e tem ramo para todos os gostos. 

O ano de 2022 não foi mais animadinho pra nossa grana aqui no Brasil, mas calma lá, que nem tudo foi ruim. O agronegócio deu aquele showzinho particular e virou a estrela da economia. 

Essas 100 maiores empresas do agro tiveram um aumento no faturamento de 20,2%. Enquanto isso, o nosso PIB tava lá, só dando uma respiradinha, no estilo sobrevivência.

Juntando os trocadinhos, essas empresas faturaram uns R$ 2,23 trilhões. É muita grana, minha gente. 

É o agro do Brasil mandando ver enquanto o resto do mundo só observa.

1. JBS

SETOR: PROTEÍNA ANIMAL

RECEITA: R$ 374,85 BILHÕES

2. RAÍZEN ENERGIA

SETOR: AGROENERGIA

RECEITA: R$ 245,83 BILHÕES

3. NESTLÉ DO BRASIL

SETOR: ALIMENTOS E BEBIDAS

RECEITA: R$ 179,52 BILHÕES

4. COSAN

SETOR: AGROENERGIA

RECEITA: R$ 162,25 BILHÕES

5. MARFRIG GLOBAL FOODS

SETOR: PROTEÍNA ANIMAL

RECEITA: R$ 130,63 BILHÕES

6. CARGILL AGRÍCOLA

SETOR: ALIMENTOS E BEBIDAS

RECEITA: R$ 123,27 BILHÕES

7. AMBEV

SETOR: ALIMENTOS E BEBIDAS

RECEITA: R$ 79,71 BILHÕES

8. BUNGE ALIMENTOS

SETOR: ALIMENTOS E BEBIDAS

RECEITA: R$ 78,75 BILHÕES

9. COPERSUCAR

SETOR: AGROENERGIA

RECEITA: R$ 70,14 BILHÕES

10. BRF

SETOR: PROTEÍNA ANIMAL

RECEITA: R$ 53,81 BILHÕES

*Com informações da Forbes Agro

Veja mais

Agro Ok

+ There are no comments

Add yours