Ministro da Agricultura é exonerado – Mas volta já

1 min read

O ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, decidiu que ser ministro estava um pouco chato e resolveu dar um tempo para se dedicar a atividades mais emocionantes, como participar de votações no Senado. Na verdade eu e você sabemos que não foi bem por vontade própria. Digamos que por vontade política. 

Acredite quem quiser. A exoneração foi a pedido, como se o Carlos estivesse dizendo: “Ah, galera, eu tô fora, vou ali votar umas coisinhas, já volto!”

Não é a primeira vez que Fávaro dá uma pausa no cargo. Em janeiro, ele já tinha largado o osso para se dedicar à eleição da Mesa Diretora. 

E o que ele deve fazer pelas bandas do Senado? O pessoal está discutindo uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que quer limitar decisões individuais e pedidos de vista no Supremo Tribunal Federal (STF).

E para garantir a meta fiscal de 2024, a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado vai votar duas propostas do pacote de Fernando Haddad. E tem também a proposta da tributação de offshores e fundos exclusivos.

Veja mais

Agro Ok

+ There are no comments

Add yours